Equipa

Alexandre Ferreira

Jovem cozinheiro, amante de arte de cozinhar. Há 4 anos atrás mudou-se para Londres à procura de novas oportunidades e regressou a Portugal recentemente para abrir o seu espaço em Lisboa, O Velho Alfaiate.

Não tem essa história clichê de ‘desde pequeno quero ser cozinheiro’, nada disso. Já quis ser piloto de aviões, depois foi estudar Artes Visuais e acabou por ser cozinheiro.

A maior preocupação do Chef é principalmente trabalhar com produtos frescos, nacionais e de qualidade. Tem uma grande preocupação em produzir todos os elementos na casa, desde o pão até ao queijo.

Lê as receitas de abrir o apetite do Chef Alex aqui

Isabel Passarinho

Formada em Serviço Social e Terapia Familiar, exerce há mais de 30 anos. Tem PhD em Educação pela Universidade de Lisboa e tem sido formadora na formação inicial e pós-graduada de Assistentes Sociais e outros Interventores Sociais. ​Gosta de se assumir como prática reflexiva. Entre gostos múltiplos e inquietações, é comprometida com a mudança individual e social e com questões humanas e ambientais. ​

Recorre à Arte, nas suas várias vertentes, para não morrer de realidade. É hortelã na vida e no seu quintal, onde age por tentativa e erro.

As partilhas da Doutora Isabel encontram-se aqui

Luís Santos

Formado em Enfermagem Veterinária e com um interesse sempre presente pelo Mundo Natural, desde cedo quis fazer da sua missão divulgar as maravilhas da Natureza. Missão essa, que ganha uma maior importância nestes tempos conturbados, em que as Alterações Climáticas e a Expansão Humana, ameaçam o equilíbrio dos nossos Ecossistemas e das espécies que deles dependem.

Gosta de ouvir e fazer Música, “Birdwatching” e Fotografia da Natureza, que pratica sempre que possível.

As aventuras do Luís descobrem-se aqui

Maria João Barbedo

Nascida e criada na terra onde todas as velhas são lindas, pós-graduou-se em Gestão Estratégica das Relações Públicas, com carimbo da Escola Superior de Comunicação Social. 

Tendo seguido o caminho das Ciências até tarde, percebe hoje que sempre esteve destinada às Humanidades.

Comunica em massa, sorri à bruta, fotografa a montes e come como gente grande. Talvez por isso lhe seja fácil opinar sobre tal.

As gulodices da Maria João saboreiam-se aqui

Marco Gago

Formado em Biologia Marinha descobriu na adolescência o gosto pela escrita poética. O que começou como uma brincadeira com as palavras tornou-se numa forma de exprimir pensamentos e emoções. Gosta de ler e de experienciar tudo o que um bom livro nos oferece e, infelizmente para quem o rodeia, também gosta de música e de brincar com a voz e com instrumentos musicais.

Os mergulhos do Marco no mar da Poesia estão algures aqui!

Nuno Soares

Amante da natureza, encontrou na selva da criação artística uma forma de expressão. Leitor ávido desde sempre, considera a leitura um prazer raro, a mistura de uma mística e um imaginário sem limites, uma fonte de informação, de conhecimento, uma janela para quem escreve e para a realidade que descreve. Gosta de brincar com música e é adepto de artes dramáticas e da grande tela do cinema.

Em 2015 lançou, em co-autoria com outros 4 escritores o livro “Heróis à Moda do Algarve”, uma obra que se focou na recolha de falares marginais da região do Algarve e da sua aplicação em contos curtos de cariz variado, do humor à lenda, sob alçada da Lugar da Palavra Editora. Na sequência de alguns testemunhos inflamados, comprometeu-se a largar a escrita e dedicar-se com afinco ao dominó, mas voltou atrás na palavra após uma lesão incapacitante. Em 2017 escreveu “Faro, Terra Formosa” que integrou a obra “Lugares e Palavras do Algarve”.

Em 2012 criou o Opina – Espaço de Divulgação Cultural e desde então desempenhas as funções de Director e Editor.

Os delírios do Nuno perdem-se por aqui!

Rafael Nascimento

Observador do mundo e criador de estórias a tempo inteiro. Apreciador de cinema e literatura nos tempos livres. Desenvolve o seu percurso profissional na área da usabilidade e experiência do utilizador. De forma amadora contempla a natureza e pratica escalada.

Os usos que o Rafael dá ao tempo procuram-se, quase de certeza, aqui!

Roberto Leandro

Iniciou-se na má vida em 86, na cidade de Albufeira. Cresceu nos colos da música, do teatro, do humor, da escrita e noutros que não são para aqui chamados. Publicou  Ver no Verso em 2011, Poesia em Combustão em 2012 e Imagem d’escrita (poesia e fotografia) em 2014.

Faz letras por medida para Pedro Limpo Rodrigues e costura textos a metro para as mais insondáveis solicitações, que lhe chegam de todos os cantos do bairro. Incapaz de ser uma pessoa séria, resigna-se a ser uma pessoa a sério.

Os versos do Roberto lêem-se aqui!

Sofia Ramalho

Terapeuta Ocupacional de profissão. A intervenção social e terapêutica na comunidade próxima sempre foi algo que me moveu. Certificação e investigação em Terapias Assistidas por Animais, desenvolvendo projetos terapêuticos nesta área. 

Amante incontrolável da natureza e da sua biodiversidade, indo ao seu encontro e aprendendo mais e mais sobre a mesma todos os dias. 

Apaixonada pela vertente do comportamento animal e dos benefícios biopsicosociais da interação humano-animal.

Os concelhos da Sofia germinam aqui!

 

Para além dos nossos habitues, que conheceram acima, contamos ainda com a colaboração  ocasional de tantos outros autores cujo os incríveis artigos (de 2018 em diante) podem encontrar aqui: 

Nuno de Sousa – Aqui

Paulo D. de Sousa – Aqui

Tânia Araújo – Aqui

Tatiana Gago de Sousa – Aqui

Tiago Marcos – Aqui

 

Mais artigos de todos estes e ainda outros autores poderem ser também encontrados nos nossos arquivos (as nossas antigas casas): 

2017 – https://opinaquenemumdoido.wixsite.com/opina

2012 – 2016 – http://opinaquenemumdoido.blogspot.pt